Petrobras realiza encontro em Quixadá


Discutir melhorias na plantação de mamona, Seguro Safra e mais créditos para o homem do campo foram os motivos que trouxeram o presidente da Petrobras Biocombustível, Miguel Rossetto, a terra dos monólitos. Ele, que já havia realizado três visitas a usina de Biodiesel, veio à cidade para participar do Encontro de Mobilização para Safra 2009/2010 dos produtores de oleaginosas do Estado do Ceará”.


Todos os representantes da estatal, que estiveram no Centro Vocacional Pio XII, local do evento, ouviram as reivindicações dos agricultores de 15 municípios, que na ocasião foram representados pela Federação dos Trabalhadores e Trabalhadoras na Agricultura do Estado do Ceará (Fetraece). “Nós sabemos que o programa do biodiesel tem crescido, no entanto sabemos que ainda há dificuldades a serem vencidas. A produção de 500kg por hectare ainda é muito baixa. Precisamos de técnicas que nos ajudem a aumentar a produção da agricultura familiar”, disse o membro da Fetraece Luis Carlos Ribeiro Lima.


O evento, organizado pela Petrobras Biocombustível em parceria com o Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA) e Secretaria do Desenvolvimento Agrário do Estado, também foi espaço para que o prefeito de Quixadá, Rômulo Carneiro, informasse sobre os investimentos na produção de oleaginosas no município. “A nossa Unidade de Biodiesel terá sua ampliação de produção aumentada em quase 90%. O nosso produtor planta mamona consorciada com o milho ou com feijão e para isso teve o apoio da Prefeitura, que disponibilizou sete mil horas de trator totalmente gratuita”, comentou Rômulo.


O presidente da estatal, empresa que mantém contratos com 22.356 agricultores familiares no Ceará, destacou que a sua presença ali foi uma formar de chamar os agricultores para se engajar cada vez mais na plantação de mamona. “Estamos aqui para realizar um chamamento, para que nossos produtores se sintam incentivados. Lembro a todos que no ultimo dia 21 de outubro a usina de Quixadá completou um ano de atividade e que neste período foram produzidos 40 milhões de litros de biodiesel. Isto significa que estamos comercializando combustível de qualidade”, afirmou Miguel Rossetto.


Participaram do evento várias autoridades públicas que incentivam a produção de combustível produzido a partir da mamona. Dentre eles destacam-se o secretário do Desenvolvimento Agrário do Estado Camilo Santana, o representante do MDA Marcos Antonio Leite, o presidente da Ematerce José Maria Pimenta, a presidente da Câmara municipal de Quixadá Edi Leal, o secretário de Agricultura Familiar e Desenvolvimento Rural Ereni Tavares e o procurador geral Ilário Marques, ele que foi um dos responsáveis pela instalação da Unidade de Biodiesel em Quixadá, representou a deputada estadual Rachel Marques.



0 comentários:

Postar um comentário