Obras da transnordestina, Acopiara-Quixadá em setembro



Desapropriações de terreno dos primeiros 50 quilômetros ficarão prontas no dia 15 de setembro

Os 50 primeiros quilômetros da ferrovia Transnordestina no Ceará começarão a ser construídos no dia 16 de setembro deste ano, segundo o secretário de Infra-estrutura do Estado, Adail Fontenele. “De acordo com o cronograma, as desapropriações de terreno dos primeiros 50 quilômetros ficarão prontas no dia 15 de setembro, porque no dia 16, começarão as obras”, afirmou.

Ele garantiu que não haverá atrasos, que o trabalho do governo estadual é simples, e que não haverá transtornos. A preocupação reflete a exigência do governo federal em acelerar a obra. O trabalho de desapropriações está sendo feito com a Procuradoria Geral do Estado (PGE) e Metrofor.

De acordo com Adail Fontenele, esses 50 km, estão divididos em três estapas. Serão 20 km do trecho de Missão Velha a Acopiara, outros 20 km do trecho de Acopiara a Quixadá, e os 10 km restantes do trecho de Quixadá ao Pecém.
Assim, a Transnordestina Logística, empresa da Companhia Siderúrgica Nacional (CSN) que detém a concessão da Nova Transnordestina, atuará com três frentes de trabalho. No total, os 527 km da ferrovia no Estado a ser desapropriados serão entregues em abril do próximo ano, segundo o secretário. Hoje, as obras estão concentradas apenas entre Salgueiro (PE), Trindade (PE) e Missão Velha. Informações publicadas ontem no Valor Econômico indicam que a CSN levaria um plano à ministra Dilma Rousseff, da Casa Civil, para acelerar as obras da Transnordestina. O esforço visaria viabilizar a inauguração em 2010. O cronograma preveria que até o fim do ano 15 mil homens devem trabalhar em mais de 15 frentes ao longo da ferrovia. Além das desapropriações, a cargos dos governos dos três estados, o licenciamento de funcionamento, via Ibama, é outra pendência que deve sair até setembro. A Transnordestina vai ligar o porto de Suape a Eliseu Martins (PI) e Pecém com 1.728 km de extensão.

0 comentários:

Postar um comentário